GM: Discussão estratégica

Sabe aquele seu amigo perna de pau, que não jogava bola nenhuma, mas ficava tentando tanto que você não conseguia mais sentir raiva dele por prejudicar o time, e só ficava com pena, ou então achava engraçado? Essa é a GM. É tanta estupidez e boçalidade junta que só passando a mão na cabeça mesmo.

O Classic será remodelado na linha chinesa, como o blogauto já antecipou. Se ficou bonito ou feio, pouco importa, esse carro tem de morrer. Se não é bom o suficiente para os países desenvolvidos, então não quero, e que se dane. Ultimamente peguei uma birra tão grande desse carro que, se vou pegar um táxi e o primeiro da fila é um Classic, espero sair para pegar o segundo. Carro apertado, lerdo, horrível de dirigir, credo.

Já a linha Corsa, que é composta por carros razoáveis, sai de linha definitivamente para dar lugar ao projeto Viva, uma outra porcaria de suspensão antiquada e construção barata para países emergentes, na linha do Logan, mas sem um design tão atroz. Outro lixo sobre rodas, enfim. Uma pena, pois se hoje o Corsa ainda se mantém competitivo na categoria (graças à absoluta falta de evolução de Fiesta e Polo, iguais construtivamente há mais de cinco anos), o Viva já vai chegar pra ser escorraçado, na mesma linha do Linea (trocadilho não-intencional).

A coisa melhora um pouco na linha superior. O Cruze deve substituir a linha Astra/Vectra, que já deveria ter sido enterrada faz tempo. O Cruze é mais interessante e atual, pode ser representativo. Veremos.

Por fim, o Malibu deve chegar para competir com o Fusion, numa boa briga, e o Captiva pode ganhar o mesmo motor 2.4 16v que equipará o Malibu, desta vez um motor moderno, e não o Monzatec que temos no Vectra Elite. A SUV nesta motorização promete vir num preço bem competitivo, se a crise econômica global e a ganância da GM do Brasil deixarem.

Pelo visto, a GM deixará os carros porcaria se degladiando pelo número de vendas, a aproveitando que a maioria dos consumidores dessa faixa tem pouca ou nenhuma experiência (e portanto exigência) com automóveis. E os mais caros aí sim podem oferecer atributos. Sei lá, pouco me importa, só acredito vendo. De GM atualmente eu já estou farto.

Comentários

Anônimo disse…
Peguei o link do blogauto, e fui conhecer o revolucionário chevrolet sail.

Ao menos a GM chinesa usa um som criado na mesma época em q o resto do carro: o chinesinho tem tape!

O cara tem q ser tão preciosista para comprar um carro desses q seria justo se ele fosse encontrado somente em sebos!
Conrado Balbinot disse…
A GM deve ter pintado em todos as privadas da empresa e urinois as palavras "consumidor brasileiro".

Postagens mais visitadas deste blog

Comparativo: Celta Life 1.0 VHC x Palio 1.0 Fire

Teste: Hyundai Azera 3.3 V6

Teste: Chevrolet Zafira Elegance 2.0 automática