Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2011

Não merecia

A GM prepara a despedida do Vastra (ops, Vectra) da mesma maneira que o anterior: com a série especial Collection, desta vez pintada num belo Verde escuro (chamado de Verde Lotus e que lembra o tradicional British Racing Green) e rodas especiais. Então é chegada a hora de pensar no epílogo desse carro.

O Vectra atual foi um carro que o M4R viu nascer, cheio de esperanças. Seria o substituto de um ícone, de um sedã que foi sonho de muita gente. Acompanhando sua fase de projeto por meio de fontes dentro da GM, depositamos um bom grau de esperança no modelo. E quebramos a cara. Feio.

O Vectra consolidou num carro tudo de ruim que permeia o pensamento da GM ultimamente. Falamos sobre isso exaustivamente. Os custos tomaram conta do projeto, e o resultado foi um automóvel minimamente melhor que o Corolla à época, e que tornou-se uma simples nota de rodapé quando as novas gerações de Civic e Corolla trucidaram o GM. Os detalhes dessa ruindade você poderá conferir logo mais – celebraremos a des…

Rapidinhas

- Em três dias, avistamos cinco Jettas novos na rua. Sem nenhum embasamento científico, essa é uma marca impressionante, digna do lançamento do novo Gol. Mostra o quanto o Jetta se tornou sonho de consumo de uma população que, no fundo, ama Volkswagen. Mesmo com motor de Santana e suspensão pré-histórica.

- Estamos armando um comparativo entre o novo Jetta e o Fusion, pra ver se esse VW é bom mesmo. O Ford já testamos, o VW está mais difícil.

- E o povo acha que entende de carro mesmo né. Muitas risadas com os comentários nos sites, em especial o UOL Carros, dos competentes Rodrigo e Eugênio.

- Sujeito compra um Azera e sai falando que “isso sim é esportividade”. O outro chama o Audi A1 de Gol com quatro argolas.

- Mas o tipo favorito é o que compra o carro e DEPOIS vai na Internet procurar testes sobre o veículo. Aí entra no M4R e se depara com as verdades que escrevemos sobre atrocidades como Vectra GT e S10 e fica todo bravinho. Vai se informar antes...

- Está insuportável a quantidade …

Esperança

E a Ford baixou oficialmente os preços da linha Fiesta. O catálogo mais completo, com air bag duplo, freios ABS, faróis de neblina, ar-condicionado, direção hidráulica e trio elétrico está disponível por R$ 37.900 no hatch e R$ 39.900 no sedã. É exatamente a faixa de preço do JAC J3 e do Turin, a família chinesa da JAC que aparentemente vinha vendendo muito bem, o suficiente para chacoalhar a gigante americana.

Resta saber se a Ford vai conseguir mostrar ao consumidor que seus carros estão mais baratos e competitivos com os chineses, já que a excelência no marketing definitivamente não é o forte da Ford.

É cedo para afirmar com convicção, mas este parece ser o primeiro sinal de que os chineses vieram mesmo para reduzir um pouquinho as margens estratosféricas de lucro das montadoras por aqui. Quem sabe, em breve, não tenhamos Palio 1.4 e Gol 1.6 vendidos nas mesmas faixas de preço e totalmente equipados, incluindo aí air bag e ABS? Grande notícia para o consumidor.

Genial, André

"Curtir GM é o mesmo que curtir o site da Receita Federal".

Genial, André.

Teste: Chevrolet Zafira Elegance 2.0 automática

Imagem
Na apuração de dados para a publicação das avaliações de carros no M4R, é prática comum buscarmos outros testes para conferir números e mesmo algumas opiniões. Não costuma ser difícil: existem diversas resenhas publicadas em sites e revistas responsáveis. O teste da Zafira foi uma exceção: tivemos de nos contentar com avaliações de até seis anos atrás, pois não há nada mais recente. Claro: não faz sentido avaliar um carro que parou no tempo.

A Zafira que temos por aqui surgiu na Europa há – preste atenção – DOZE anos atrás, em 1999, e está entre nós desde 2001. Em 2005, ganhou o aspecto atual, e depois herdou o motor 2.0 repotenciado para 140 cv, no lançamento do Vectra atual.

O nascimento da Zafira no Brasil coincide com o início da decadência da GM por aqui. Com exceção dos importados, desde então a GM não lança um automóvel digno do nome por estas paradas. O que temos em mãos, então, é um projeto brilhante e envelhecido.

O brilhantismo da Zafira reside em dois fatores: um, óbvio, é o…

Dívida externa

Devendo posts novos por aqui. Alguns testes no forno que devem aparecer por aqui em breve. Enquanto isso, fiquem com o ótimo editorial do Fabrício no Best Cars: http://www2.uol.com.br/bestcars/editorial/352-velhinhos-que-compensam.htm