Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2015

Teste: BMW 320i ActiveFlex GP

Imagem
Você pode ter uma BMW. Já parou pra pensar nisso?
Quem diria? Os com alguma idade lembram inclusive do frisson causado quando as primeiras 325i chegaram no Brasil em 1993, algumas já estão até com status de “clássicos”, pelo menos as que sobreviveram à manolização...
E desde enão ter uma BMW do Brasil oscilava entre o impossível e o muito impossível, e é fácil notar isso pela raridade dos modelos subsequentes nas ruas. E isso porque estamos falando da série 3, sem mencionar as outras mais caras.
Aí acontece que o brasileiro em geral fica mais rico, melhora o poder aquisitivo, melhora o poder de compra, o mercado é grande e significativo, e apesar do esforço ininterrupto do governo em tornar a vida do brasileiro um inferno, mesmo contando os impostos hoje dá pra levar uma série 3 para casa por R$ 130 mil.
Ah, mas é muita grana! É mesmo, esse valor compra uma casa na maioria do Brasil. Não estamos dizendo que vai vender mais que Gol. Estamos dizendo que pessoas com alto poder aquisitivo, po…

Mi piace Alfa Romeo

Imagem
De arrepiar o ronco da nova Alfa Romeo Giulia, apresentado ao mundo ontem na comemoração dos 105 anos da marca.
Falar de Alfa Romeo é fazer o coração de qualquer entusiasta bater mais forte, pela sua combinação de design, ronco de motores, personalidade e preço razoavelmente acessível. Não é à toa que o Top Gear vaticinou: você não é um apaixonado por carros se nunca tiver sido dono de um Alfa Romeo (algo que o próprio Top Gear não cumpre dado que o Hammond nunca teve um, mas enfim fica a dica).
Nós, brasileiros, recebemos somente a fase arroz com feijão de carros sem graça com tração dianteira. Pode ser difícil identificar essa paixão toda, compreensivelmente. No M4R fazemos votos que a Alfa volte logo ao Brasil, e com preços competitivos.
O slide de próximos modelos da marca, que chupiscamos do UOL Carros, dá dicas interessantes sobre o futuro line up:


Sub compactos: hoje a marca produz o MiTo, sobre a base do Punto. É uma afronta à história da Alfa e só o compreendemos como um aparelho…

E ainda ganha dinheiro com isso...

Recentemente entramos em contato com um blog sobre carros e mercado no site InfoMoney.
Bastou lermos dois textos para sermos acometidos de uma ânsia de vômito violenta, causada pela quantidade incrível de bobagens escritas. O autor claramente quer vender seus serviços de consultor, para isso recorrendo a textos sem pé nem cabeça, que em teoria deveriam levar o leitor a consultá-lo. Nossa visão é que, da forma como estão, os textos afastam as pessoas com discernimento. Ficamos imaginando quem efetivamente o contrata...
Vejamos o texto mais recente, que fala sobre o absurdo de termos carros médios custando acima de R$ 100 mil. E nesse ponto concordamos totalmente, cansamos de dizer aqui que Corolla Altis é só para frotistas, é provavelmente a pior relação custo-benefício do nosso mercado.
Mas vamos ver o texto com mais profundidade:

(Nossa intenção era copiar e colar os trechos do texto, mas o genial site não deixa. Então vamos escrever em linhas gerais).

Ele fala em estagflação e carros mai…

Primeiras impressões: Jeep Renegade

Imagem
É um bibelô.
Pense num MINI. É um carro pequeno, para duas pessoas e um banco traseiro fictício (estamos falando do MINI com a concepção original, não essas trapizongas de Countryman e quetais). É um carro que tem diversos detalhes que remetem ao original ou então que se esforçam para agregar exclusividade, charme, para justificar o preço diante de atributos mecânicos nem sempre adequados – sabia que o MINI tem ou pelo menos teve versões com motor 1,6 aspirado de menos de 100 cv? Pois é.
Agora pegue tudo isso e coloque num carro que, ao invés de ter como diferencial a dirigibilidade próxima a um kart, como é o MINI, tem como diferencial a altura do solo e a robustez. É um Renegade.
O mais atraente no Renegade é seu design e o grande esforço empreendido pela equipe da Jeep nos detalhes. Itens como o “since 1941”, as lanternas traseiras remetendo aos galões de gasolina dos Jeeps antigos, os pequenos desenhos de Jeep espalhados pelo acabamento, os selos “trail rated” e “original edition”, a…

Golf Variant

Finalmente! Depois de muita enrolação, finalmente a Volks anuncia oficialmente a chegada da Golf Variant no Brasil, bem como seus pacotes de opcionais e preços. Começa pela Comfortline a R$ 87.000, passa pela Highline a R$ 92 mil e os opcionais vão ao limite, com uma perua totalmente equipada beirando os R$ 130 mil. Os detalhes de equipamentos e preços estão disponíveis nos outros sites especializados e com certeza nosso leitor já viu, então não vamos te entediar com isso.
O que importa é que voltamos a ter uma perua boa à disposição do brasileiro, especialmente se considerarmos que a Palio Weekend é contemporânea das Cruzadas e a SpaceFox tem o problema de ser derivada do Fox.
Por dentro temos o acabamento refinado e bom pacote tecnológico, de segurança e de desempenho do Golf, com a vantagem de amplo porta-malas superior a 600 litros. Quem já foi para a Alemanha pôde perceber o quanto as peruas são valorizadas por lá e é por isso mesmo que nesse segmento as fabricantes alemãs não bri…