Filhos da...

Genial o último post do Joel Leite no Webmotors.

De 2001 a 2008, o índice de preços ao consumidor da Fipe subiu 51,9%. Evidentemente, o ínidice leva em conta os reajustes realizados pelos fabricantes nos produtos por conta do aumento do custo das matérias-primas.

A média de aumento dos carros ficou em 75%.

Bando de ganaciosos. Os gestores das montadores estão se aproximando dos políticos como a classe mais odiosa do Brasil.

O único carro a subir abaixo da inflação foi o Peugeot 206. De compacto premium em 2001, ele hoje se tornou um pequeno comum, embora cheio de qualidades. Faz sentido. Parabéns à Peugeot.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Comparativo: Celta Life 1.0 VHC x Palio 1.0 Fire

Teste: Chevrolet Zafira Elegance 2.0 automática

Teste: Hyundai Azera 3.3 V6